Posts

Operação Verão fiscaliza águas gaúchas

A estação mais quente é a época do ano onde mais acontecem acidentes aquaviários. Os números do verão passado indicam que mais 40% do total de incidentes de todo 2016 foram no período de dezembro a março.

As lanchas e motos aquáticas se destacam nas estatísticas. Nos últimos três verões elas representaram mais de 70% dos casos registrados com embarcações de esporte e recreio segundo dados da Superintendência de Segurança do Tráfego Aquaviário da Diretoria de Portos e Costas (DPC).

Com vigência até 1º de março, a Operação Verão em Porto Alegre já abordou 278 embarcações. Dessas, 14 foram notificadas e quatro foram apreendidas por falta de documentação ou equipamentos de segurança.

“É muito importante que os condutores cumpram com as normas, os regulamentos e as regras de navegação, estando habilitados para conduzir essas embarcações. Isso tudo deve ser observado para que esses momentos de lazer sejam só felicidade”, afirma o Comandante da Capitania dos Portos de Porto Alegre, Amaury Marcial Gomes Junior.