História

Inaugurada em 13 de dezembro de 1975, a escola de vela do Clube dos Jangadeiros foi denominada Escola de Vela Barra Limpa.

Este sonho se concretizou devido a um triste acontecimento: a morte de um jovem em um acidente de carro nas ruas de Porto Alegre. Foi uma imensa surpresa que um fato tão triste pudesse gerar uma iniciativa que beneficia a comunidade até hoje.

Tristezas a parte, os pais do jovem cujo apelido era Barra Limpa resolveram proporcionar ao Clube dos Jangadeiros uma homenagem. Realizaram uma obra onde refletisse aos jovens uma maneira de apreciar a natureza.

Foi então que Werner Hunshe não vacilou: – “A escola de vela sou eu quem vai construir…” Um ano mais tarde, em 1º de Março de 1972, quando completava um ano da trágica morte do jovem Walter Hunshe – o Barra Limpa – foi lançada a pedra fundamental da escola que hoje se caracteriza como uma das mais completas instituições de Ensino Náutico do país.

O nome nada mais justo, foi dado pelo Clube dos Jangadeiros: Escola de Vela Barra Limpa… Então aquele vazio de velas no Guaiba e aquele silêncio no clube foram substituídos pelas dependências do clube e principalmente pela Escola de Vela Barra Limpa que encheu o clube com a bagunça e o barulho da criançada circulando pelo clube e enchendo o vazio silencioso do Guaíba com velas de todas as cores.

Desde a sua criação a Escola de Vela Barra Limpa se orgulha de ter formado campeões mundiais, elevando assim com galhardia e bravura o nome do Clube dos Jangadeiros nos três níveis dos pódios deste imenso mundo, onde a maior parte deste é constituído por águas (graças a Deus!!!).

Sendo a pioneira no estado do Rio Grande do Sul a ensinar a velejar.

Também é credenciada pelo Conselho Regional de Educação Física – CREF2/RS